Guarda exportou quase 250 milhões de euros em 2015

Na região Centro, com excepção de Aveiro, a Guarda foi a capital de distrito que teve a maior subida na variação de percentagem nas exportações, com 19,6%, seguindo-se Leiria com 16,1%. Os números foram anunciados no site do Instituto Nacional de Estatística, relativos às exportações no período 2013-2015 e foram tema de conversa na reunião do executivo. Em relação a outras cidades da região, em 2015 a Guarda exportou quase o dobro da Covilhã, três vezes mais do que Viseu e seis vezes mais do que Castelo Branco em valores absolutos, como refere o presidente do Município, Álvaro Amaro.

Álvaro Amaro diz que o mérito dos empresários mas deixa escapar que a Câmara também tem dados sinais positivos. O presidente da Câmara congratula-se com o facto de só no ano de 2015, o concelho ter exportado bens no valor de cerca de 250 milhões de euros.

Segundo dados do Instituto Nacional de Estatística, o concelho da Guarda é, com excepção de Aveiro, o que teve a maior subida na variação de percentagem nas exportações, com 19,6%, seguindo-se Leiria com 16,1%.