Continuar..

Pulseira eletrónica e proibição de se ausentar do país para um homem de 32 anos que foi detido pela GNR em Celorico da Beira, pelo crime de violência doméstica

Um Juiz decretou pulseira eletrónica e proibição de se ausentar do país a um homem de 32 anos que foi detido pela GNR em Celorico da Beira, pelo crime de violência doméstica. Foi no âmbito de uma investigação que os militares da Guarda apuraram que o suspeito exercia violência física e verbal sobre a companheira […]

Continuar..

A GNR deteve um homem de 37 anos, por violência doméstica, no concelho do Sabugal

O Comando Territorial da Guarda, através do Posto Territorial do Sabugal, deteve um homem de 37 anos, por violência doméstica, no concelho do Sabugal. No âmbito de uma investigação por violência doméstica que decorria há duas semanas, os militares apuraram que o suspeito exercia violência física e psicológica, sobre a companheira, de 37 anos, tendo […]

Continuar..

A Polícia Judiciária da Guarda em colaboração com a GNR, deteve uma mulher com a idade de 51 anos, por forte suspeita da autoria de um crime de incêndio

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal da Guarda e com a colaboração da GNR, identificou e deteve uma mulher, com a idade de 51 anos, por forte suspeita da autoria de um crime de incêndio que consumiu um prédio urbano devoluto, causando prejuízos patrimoniais de valor elevado. O incêndio terá sido ateado […]

A Polícia Judiciária da Guarda com a colaboração da GNR deteve o suspeito da autoria de três crimes de incêndio florestal no concelho da Meda Continuar..

A Polícia Judiciária da Guarda com a colaboração da GNR deteve o suspeito da autoria de três crimes de incêndio florestal no concelho da Meda

A Polícia Judiciária da Guarda com a colaboração da GNR de Pinhel e em articulação com elementos do Grupo de Trabalho para a Redução de Ignições em Espaço Rural, deteve um indivíduo, com cerca de 45 anos, suspeito da autoria de três crimes de incêndio florestal, ocorridos esta semana, na área da freguesia de Ranhados, […]

Continuar..

O presidente da Câmara da Guarda considera que o Governo tomou uma péssima decisão para a Guarda e para o país, ao alterar a jurisdição dos Tribunais Administrativos e Fiscais de Castelo Branco e Viseu, em vez de criar um tribunal na Guarda

Recorde-se que 12 municípios do distrito da Guarda vão deixar de pertencer ao Tribunal Administrativo e Fiscal de Castelo Branco e passar a integrar a área de jurisdição do Tribunal Administrativo e Fiscal de Viseu. Com a reorganização, apenas os municípios de Sabugal e de Manteigas, pertencentes ao distrito da Guarda, continuam na área de […]