O Sindicato de Hotelaria e Restauração do Centro está preocupado com o encerramento dos restaurantes até ao final do mês de Abril

O Sindicato de Hotelaria e Restauração do Centro está preocupado com o encerramento dos restaurantes até ao final do mês de Abril e consequente aumento do número de trabalhadores no desemprego.

Com as novas medidas restritivas do Governo, no âmbito do combate à Covid-19, os restaurantes estão apenas a funcionar em regime de take-away.

O sindicalista, António Baião diz que o sector tem sido o mais afectado durante a pandemia e espera que quando as escolas reabrirem também os restaurantes possam estar de portas abertas. As pequenas empresas, alerta o sindicato, não estão a receber as medidas de apoio.

António Baião acrescenta que os restaurantes são lugares seguros mas admite que muitas empresas do ramo não cumpram as medidas de segurança.

O sindicalista receia que muitos dos jovens trabalhadores possam deixar a restauração.