O Presidente do CA da ULS da Guarda garante que já há projectos concluídos para as obras no Pavilhão 1 e no Pavilhão 5, do Hospital Sousa Martins

Recorde-se que a ministra da Coesão Territorial esteve esta semana na Guarda onde anunciou que há financiamento garantido, quer sejam através de fundos europeus ou através do Orçamento do Estado. João Barranca mostrou-se optimista em relação a estas duas obras e disse que os projectos estão concluídos e vão ser analisados. João Barranca explicou que o Pavilhão 1, conhecido como comboio, vai sofrer obras mas, numa primeira fase, apenas no exterior, ao nível dos envidraçados, telhados e fachada. Quando esta requalificação estiver concluída será pensada uma nova intervenção mas no interior do edifício.

A ministra da Coesão Territorial também falou dos pavilhões Rainha D. Amélia e António Lencastre, que ficam situados no Parque da Saúde. Ana Abrunhosa diz que a recuperação destes dois edifícios terá de ser feita mas com recurso ao próximo quadro comunitário e que o importante é que depois venham a ser utilizados.

O presidente do Conselho de Administração da ULS da Guarda diz que o Pavilhão Rainha D. Amélia pode vir a ser um Centro de Investigação e Ensino. Para o Pavilhão António Lencastre também há projectos já pensados.