Em quatro dias foram diagnosticados 495 novos casos de COVID-19 e registaram-se 17 óbitos na área da ULS Guarda

Entre os dias 8 e 12 de Janeiro, a Unidade de Saúde Pública diagnosticou 495 novos casos de Covid-19 na área de abrangência da ULS da Guarda, com aumentos em todos os concelhos. Nestes 4 dias, 52 pessoas recuperaram da doença mas há mais 3 pacientes internados, são agora 69, há 11 doentes nos cuidados intensivos e 2235 recuperam no domicílio. Faleceram 17 pessoas: 4 nos concelhos da Guarda e de Meda, duas em Fornos de Algodres, Sabugal e Seia e uma em Figueira de Castelo Rodrigo, Pinhel e Trancoso.

Os maiores aumentos por concelhos registaram-se na Guarda (mais 129), Pinhel (mais 58), Figueira de Castelo Rodrigo (mais 46), Seia (mais 44), Sabugal (mais 429 e Trancoso (mais 40).

Quanto a casos activos são 2315 em toda a área de abrangência da ULS da Guarda e estão distribuídos da seguinte forma: Guarda (639), Pinhel (270), Meda (244), Figueira de Castelo Rodrigo (209), Trancoso (205), Fornos de Algodres e Seia (185), Sabugal (112), Celorico da Beira (92), Gouveia (67), Foz Côa (61), Almeida (39) e Manteigas (7).

Desde o início da pandemia já foram contabilizados 7005 casos positivos na área de abrangência da ULS da Guarda, 4522 recuperados e 167 óbitos.