A Guarda vai receber o primeiro Centro de Competências dedicado à Economia e Inovação Social

O protocolo que foi assinado ontem, visa identificar as necessidades de formações específicas para o setor social e que inclui a criação de um centro de competências, que vai ser operacionalizado entre o IEFP, a cooperativa António Sérgio que representa o setor social e o Centro de Estudos Ibéricos na Guarda, onde irá ficar sediado. Ana Mendes Godinho, Ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, destacou a importância da criação deste centro de economia e inovação social, algo que acontece pela primeira vez no nosso país. Este centro vai ser financiado pelo PRR, num investimento a rondar os 60 milhões de euros e pretende melhorar as qualificações do setor social. O facto de ficar sediado na Guarda, disse a governante Rádio F, tem a ver com o peso e importância que o setor social tem no distrito.