A GNR deteve Foz Coa em flagrante delito um homem de 30 anos por violência doméstica

A GNR de Vila Nova de Foz Côa deteve em flagrante delito um homem de 30 anos por violência doméstica, naquele concelho.

Na sequência de uma denúncia, os militares da Guarda deslocaram-se ao local onde verificaram que a vítima, uma mulher de 27 anos, tinha sido agredida com diversos murros na presença do filho de ambos, um bebé de dois meses. Já na presença da GNR, o suspeito ameaçou de morte a vítima, culminando na sua detenção, como dá conta o major Marco Pina, oficial de relações públicas do Comando Territorial da GNR da Guarda.

O indivíduo foi presente ao Tribunal Judicial de Foz Côa tendo-lhe sido aplicadas a medidas de coação de proibição de se aproximar da vítima até 200 metros, controlado por pulseira eletrónica.