Um edificado fechado há mais de 10 anos, propriedade do Estado Português, foi atingido esta segunda feira por um incêndio que começou na antiga sala de conferências. O fogo não alastrou ao restante edifício, apesar do fumo ter inundado praticamente toda a estrutura. Apesar do aparato não há vítimas resultantes do incêndio, referiu o comandante do Bombeiros da Guarda, António Pereira. Ao que tudo indica o incêndio não terá causado danos estruturais no edifício. As causas do incêndio estão agora a ser apuradas pelas respetivas autoridades. Para o local avançaram 25 operacionais, apoiados por 4 viaturas dos bombeiros da Guarda e ainda foram mobilizados voluntários de Gonçalo, Celorico da Beira e Pinhel, que acabaram por não intervir.

O website da Rádio F utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close