Foram assinados, na Guarda, 70 contratos de financiamento às IPSS do distrito para a aquisição de viaturas elétricas

Com apoios na ordem dos 1,7 Milhões de euros, no âmbito do PRR e a pensar num serviço domiciliário mais ambiental a Segurança Social da Guarda e a Secretaria de Estado da Ação Social do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social assinaram com várias instituições do distrito, um protocolo para a aquisição de viaturas totalmente elétricas. A sessão decorreu no IPG e o presidente da União Distrital das IPSS, Rui Reis, salientou a importância deste apoio na perspetiva ambiental desta resposta social.

Também o presidente da câmara da Guarda marcou presença nesta sessão e considerou esta iniciativa, uma ideia feliz ao conciliar a preservação do ambiente com a prestação deste serviço social.

Já a anfitriã, Rita Mendes, Secretária de Estado da Ação Social, disse que esta medida é fundamental para a sustentabilidade desta resposta social. A governante referiu que foram 70, as candidaturas aprovadas no distrito da Guarda e que medida, contou com um fator discriminativo positivo para territórios de baixa densidade.