Em Seia está a decorrer uma formação sobre defesa florestal

Vinte e cinco técnicos florestais de vários pontos do país, terminam hoje á tarde no aeródromo municipal de Seia uma formação sobre a defesa florestal contra incêndios. O curso conta com formadores espanhóis na área de fogos florestais, tendo como base a troca de experiências entre técnicos dos dois países, como explicou, Artur Costa, comandante operacional da Proteção Civil Municipal de Seia e admite que os serviços municipais de proteção civil necessitam de uma organização, de um modelo estruturado.

A formação conta com técnicos de várias zonas do país e os formadores são espanhóis. A troca de experiências na área do combate a incêndios, é um dos objetivos da iniciativa, que termina esta quinta feira