A missa do Galo, na Sé da Guarda, vai ser celebrada mas com medidas de acordo com as restrições impostas pela DGS

A confirmação foi dada pelo Bispo da diocese da Guarda. Dom Manuel Felício diz que a celebração vai continuar a fazer-se na noite de consoada. Falta apenas definir o horário que pode ser diferente de anos anteriores. Dom Manuel Felício diz que a tradição na Guarda era à meia-noite e que depois passou a ser mais cedo, tal como deve acontecer este ano.