A Câmara da Guarda recebeu cerca de 300 candidaturas no âmbito do programa de emergência de apoio às empresas e empresários em nome individual

Recorde-se que a autarquia aprovou, em reunião do executivo esta proposta que envolve uma verba de meio milhão de euros para ajudar as empresas do concelho neste período pandémico.

O presidente da Câmara da Guarda, Carlos Chaves Monteiro, refere que solicitaram apoio cerca de 300 empresas, cerca de 200 já foram analisadas e os restantes pedidos ainda estão a ser avaliados. O autarca considera que a verba destinada para este programa é suficiente para ajudar as empresas que apresentaram candidaturas. De qualquer forma, Carlos Chaves Monteiro admite aumentar o valor financeiro caso se justifique.