O Presidente da câmara da Guarda diz que são necessários perto de 5 milhões de euros, para requalificar todos equipamentos desportivos municipais

Sérgio Costa deu a conhecer este montante na última Assembleia Municipal da Guarda e em resposta a um deputado, traçou o atual panorama destes equipamentos que estão a cargo do município. O autarca elencou as necessidades de cada um deles e disse que só para o Estádio Municipal são necessários 2 milhões de euros para a sua requalificação. Sérgio Costa também falou da necessidade de intervenções nas Piscinas Municipais e pavilhões de São Miguel e Inatel, este último, considerado pelo autarca um presente envenenado, uma vez que foi entregue em regime de comodato à camara da Guarda e já num estado elevado de degradação. O Presidente da câmara da Guarda revelou que já estão a ser planeados os projetos de requalificação, mas relembra que não há financiamento e verba total estimada, ronda os 5 milhões de euros. Sérgio Costa admite em última análise, ter que contrair um empréstimo para requalificar estes equipamentos desportivos. O Presidente da câmara lembrou ainda a necessidade de reforçar o números de equipamentos desportivos em todo o concelho da Guarda mas também lamentou que na última década, pouco ou nada se tenha feito ao nível da manutenção das atuais infraestruturas.