O Município de Fornos de Algodres atingiu o valor mais baixo de desperdício de água

A redução foi de 42,5% de água não faturada, e segundo o presidente da câmara, Manuel Fonseca, este patamar atingiu-se, muito graças às campanhas que a autarquia tem feito para combater o desperdício de água, bem como o combate à fraude. Esta redução representa uma poupança no valor que a autarquia paga à “Águas de Portugal”, que no caso foi de mais de 43 mil euros. O presidente da câmara de Fornos de Algodres diz que é possível ir mais longe, mas para tal, é preciso fazer trabalhos estruturantes numa rede de abastecimento de água que já tem umas largas dezenas de anos.