A procissão de Domingo de Ramos, que estava inicialmente agendada para o próximo Domingo, não se vai realizar, na Guarda

Noutros anos celebrava-se a bênção dos ramos e a celebração da paixão, na Sé. Este ano, as medidas de contingência obrigam a Diocese a reprogramar todas as actividades agendadas e apenas se realizará a celebração na Sé, mas de acordo com as regras emanadas pela Direcção Geral da Saúde, como explica o Bispo da Diocese, Dom Manuel Felício.