Vereador da oposição na câmara da Guarda acusa a autarquia de esbanjar dinheiro em rotundas e estátuas, presidente do município, refere que os vereadores do PS dizem que não, a todas as obras.

Na reunião de camara da passada segunda-feira, o vereador do PS na Câmara da Guarda acusa o presidente do Município de esbanjar dinheiro em rotundas e estátuas. Joaquim Carreira justifica que só na requalificação das rotundas da avenida 25 de Abril, no cruzamento para o rio diz e no nó do Alvendre vão ser gastos 428 mil euros, sem contar com o dinheiro das estátuas que ali vão ser colocadas. No primeiro caso uma mão aberta em bronze e, no segundo, a nova imagem do município, que segundo o vereador do PS mais parece um enlatado. Joaquim Carreira diz que estas requalificações têm por objectivo ganhar a simpatia do eleitorado e defende que as rotundas estão tratadas do ponto de vista plástico e urbano.

O presidente da Câmara da Guarda tem uma opinião bem diferente. Álvaro Amaro diz que o vereador do PS se deveria juntar à alegria da população e que o município tem disponibilidade financeira para realizar obras que, segundo o autarca, são importantes. O presidente reforça que os vereadores do PS dizem que não a todas as obras realizadas e desvaloriza o facto dos vereadores tenham dito que o município esbanja dinheiro.