O candidato socialista falava num comício que juntou militantes e simpatizantes e onde frisou que o país está melhor do que em 2015, acusando ainda a AD de querer regressar ao passado. Quanto ao programa eleitoral, Pedro Nuno Santos frisou que é necessário combater as alterações climáticas para investir na agricultura.  O candidato socialista, que discursava no pavilhão do Nerga, garantiu ainda benefícios fiscais para os trabalhadores com baixos rendimentos e taxa reduzida de IVA na electricidade para os idosos. Apoiar os jovens na habitação e na compra de casa, bem como no acesso livre ao SNS é outro objectivo do candidato que reconheceu que é urgente investir no Serviço Nacional de Saúde. Pedro Nuno Santos recordou ainda o investimento feito na região e sublinhou que o Porto Seco ficou na cidade mais alta pela localização estratégica da Guarda. Antes de Pedro Nuno Santos, já a candidata pelo círculo eleitoral da Guarda, Ana Mendes Godinho tinha usado da palavra para pedir, a Pedro Nuno Santos, caso vença as eleições, a criação de um centro de teletrabalho da administração pública na Guarda. Críticas à oposição, no caso concreto à AD, também não faltaram. Ana Mendes Godinho referiu que a direita é contra a abolição das portagens e que defende o capital em detrimento dos trabalhadores.

O website da Rádio F utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close