“Tem de haver entendimento entre as várias forças políticas com assento na Câmara e na Assembleia Municipal para que orçamento seja aprovado”. Esta é a opinião dos dois comentadores do “Ponto Por Ponto” da Rádio F.

O documento deverá ser levado à reunião do executivo já amanhã e, posteriormente, à Assembleia Municipal.

João Prata entende que se orçamento não for aprovado a Guarda fica a perder. O também autarca de Freguesia reforça que tem de haver consenso e acrescenta que o presidente da Câmara deve falar com os vereadores porque reprovar o orçamento não é uma boa decisão. O comentador da F adianta que há projectos que já vêm de trás e que tem de ser concretizados.

O outro comentador do “Ponto por Ponto”, António Barbosa também comunga da mesma opinião, ou seja, tem de haver um entendimento prévio entre o presidente da Câmara e o restante executivo.

O website da Rádio F utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close