GNR intensifica a vigilância a idosos por causa da vaga de frio

Devido ao frio que irá agravar-se ao longo desta semana com temperaturas negativas, nomeadamente no distrito da Guarda, a GNR esta a levar a efeito uma campanha, que pretende reforçar a vigilância dos idosos que vivem sozinhos e isolados. Os militares dos vários postos da GNR do distrito, vão dar conselhos aos idosos para não correrem perigos nas habitações onde vivem, sobretudo com o uso de braseiras, aquecedores e lareiras, como explicou à rádio F, o capitão João Reis.

O militar, recordou que no distrito da Guarda, os últimos dados revelaram a existência de mais de 3 mil e 800 idosos que vivem sozinhos, tendo-se verificado um aumento comparando com 2015.

A vigilância, por causa do frio, é feita por patrulhas específicas. O objetivo é chamar a atenção para o uso de braseiras e lareiras, de forma que as pessoas não corram perigo dentro de casa.

Idoso