As vinhas do distrito da Guarda não foram muito afectadas pelas trovoadas do passado fim-de-semana

O presidente da Comissão Vitivinícola Regional da Beira Interior diz que nas zonas de Meda, Vila Franca das Naves e Almeida não se registaram muitos prejuízos. Rodolfo Queirós acrescenta que os maiores estragos foram verificados nas vinhas do distrito de Castelo Branco.

A  Comissão Vitivinícola Regional da Beira Interior previa que este ano fosse um ano de boa colheita mas devido ás trovoadas o cenário alterou-se.

As vinhas do distrito da Guarda não foram muito afectadas pelas trovoadas do passado fim-de-semana. O presidente da Comissão Vitivinícola Regional da Beira Interior diz que nas zonas de Meda, Vila Franca das Naves e Almeida não se registaram muitos prejuízos. Rodolfo Queirós acrescenta que os maiores estragos foram verificados nas vinhas do distrito de Castelo Branco.