Vereadores do PS na CMG, querem a Escola de Formação do SEPNA – GNR na Guarda

Após o anúncio do Governo, que propõe descentralizar alguns serviços, os vereadores do PS na Câmara da Guarda sugeriram, na reunião do executivo, que a cidade podia receber a Escola de Formação de militares do SEPNA. O socialista, Eduardo Brito diz que o concelho tem todas as condições que justificam que a Escola fique com sede na cidade. Os eleitos pelo PS mostram-se disponíveis para trabalhar nesse objectivo.

Sobre este assunto, o presidente da Câmara da Guarda, considera que é apenas um bom exemplo dum serviço que pode ser descentralizado, mas diz que já não é altura de se pedirem serviços por carta ao Governo. Álvaro Amaro diz que o que se deve pedir é descentralizar serviços porque já não faz sentido que tudo esteja sedeado em Lisboa. O autarca diz que o Movimento pelo Interior já deixou bem vincadas essas indicações.

O presidente da Câmara da Guarda explica que o Governo tem de olhar para os vários serviços que possam ser descentralizados e distribui-los pelo Interior, mas com as pessoas a trabalhar. Para o autarca não basta colocar placas nos edifícios para depois ficarem vazios.

Foto: GNR