Um curto-circuito na vitrina das sobremesas poderá ter sido a causa do incêndio num restaurante do Centro Histórico da Guarda

O proprietário do restaurante que ontem foi parcialmente destruído por um incêndio, no centro histórico da Guarda, ainda está a fazer um levantamento dos prejuízos.

José Castanheira explicou que a cozinha foi muito afetada e que todos os equipamentos ficaram danificados. O proprietário diz que o incêndio foi provocado por um curto-circuito na vitrina das sobremesas. O empresário, que está ligado há vários anos ao ramo da restauração, estima que possa reabrir aquele espaço dentro de 3 semanas. José Castanheira diz ainda que foi um milagre, não ter havido consequências muito maiores, até pelas dificuldades de acesso no centro histórico.