João Paulo Sousa não esquece que já houve vários avanços e recuos neste processo mas estranha o silêncio de António Costa. João Paulo Sousa quer acreditar que a obra vai avançar mas não esconde que está expectante. O autarca não tem dúvidas em afirmar que a reactivação da linha-férrea vai ser uma alavanca muito importante para o território, uma vez que vai gerar mais postos de trabalhos. A obra em território nacional poderá também estimular a reactivação da linha do lado de lá da fronteira, o que iria permitir fazer o percurso entre Salamanca, Pocinho e Barca D`Alva, acrescenta João Paulo Sousa.

O website da Rádio F utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close