Conta a história em 22 de outubro de 1884, 15 cidadãos que tinham servido em Unidades do Exército, comandados pelo Comissário Pignatelly, constituíram o Primeiro Corpo de Polícia Civil da cidade da Guarda, marcando desta forma a data que é considerada como um dia festivo para o Comando Distrital da Polícia de Segurança Pública da Guarda. 

 Este ano, no âmbito das comemorações do 138.º aniversário, encontram-se expostas a público e disponíveis para visita gratuita até dia 31 de outubro, as exposições: “Rostos com Voz”, no La Vie Guarda Shopping Center e “Em tempo de máscaras quem fala são os olhos.”, no Museu da Guarda. Já ontem, a Banda Sinfónica da PSP realizou um Concerto no TMG – Teatro Municipal da Guarda e ainda dois concertos de “Palmo & Meio,” destinados a crianças, no Lactário Dr. Proença e Jardim de Infância de Alfarazes, nesta cidade.

 Do programa das comemorações faz parte ainda uma missa na igreja da Paróquia de São Miguel da Guarda, no dia 25 de outubro pelas 10h, será realizada por intenção da PSP, onde serão relembrados os elementos do Comando já falecidos. Da parte da tarde nesse dia, às 15h, será realizada a cerimónia comemorativa do 138.º Aniversário, no Salão Nobre da Paróquia de São Miguel da Guarda. O final das comemorações culminará com o descerramento da “Rua dos Quadrilheiros”, nova toponímia da cidade, onde a Câmara Municipal da Guarda homenageia a Polícia de Segurança Pública.

Recorde-se que a área de responsabilidade territorial do Comando Distrital da PSP da Guarda engloba as cidades da Guarda e Gouveia.

O website da Rádio F utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close