O Município da Guarda vai acionar três garantias bancárias de obras realizadas por anteriores executivos

O município da Guarda vai acionar três garantias bancárias de obras realizadas por anteriores executivos, tratam-se do Centro Escolar da Sequeira, a requalificação paisagísticas da zona do Torreão/Bombeiros e a duplicação da ligação do IP5 à Guarda, em que neste último caso, o acesso acabou por ficar com uma única via, em cada sentido. Estas deliberações foram tomadas por unanimidade na última reunião do executivo da câmara da Guarda e Álvaro Amaro referiu que esta tomada de posição é a maneira de salvaguardar o interesse público, para corrigir defeitos que as obras vieram a revelar.

O presidente da câmara, recorda que este é um ato de gestão, e serve para corrigir erros de construção. Álvaro Amaro acrescenta que o Municipio só liberta garantias bancárias quando as obras executadas estiverem em conformidade.