Já arrancou o Nível 3 de combate a incêndios, com o reforço de meios aéreos e terrestres no distrito da Guarda

Já está a decorrer o nível 3 de empenhamento de combate a incêndios florestais. Até ao final do mês, há um reforço do número de operacionais, nesta fase que é considerada transitória e que será até ao final deste mês. Para além do helicóptero na Guarda também estarão disponíveis mais dois, um na Meda e outro em Seia e está também prevista a chegada de aeronaves, como explicou o Comandante Distrital Operacional da Guarda. António Fonseca diz que a fase de limpeza de mato foi importante no combate à propagação dos mesmos mas diz que é também importante que as pessoas alterem os comportamentos. O Comandante Operacional Distrital da Guarda acrescentou que um dos comportamentos mais frequentes são as queimadas, que devem ser evitadas.

Foto: Arquivo