IPG aguarda transferência de 125 mil euros por parte do Ministério das Finanças até ao final do ano

O Presidente o IPG está à espera da transferência de verbas do ministério das Finanças para fazer face a encargos incrementados por decisões politicas, como por exemplo o aumento do salario mínimo nacional. Constantino Rei referiu na Rádio F, que as alterações que imputam o incremento de despesas nas instituições, devem as verbas correspondentes, ser suportadas pelo orçamento de estado.

No caso do IPG, o valor devido às alterações legislativas referentes a este ano de 2017, são de cerca de 152 mil euros. O presidente do IPG espera que até ao final deste mês ou já no início de Dezembro, o ministério das finanças desbloqueie esta verba.