A GNR deteve em Aguiar da Beira dois homens pelo exercício ilegal de segurança privada

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação Criminal de Gouveia, deteve dois homens, de 41 e 37 anos, pelo exercício e contratação de serviços ilegais de segurança privada e posse de arma de fogo em estabelecimento de diversão noturna, em de Aguiar da Beira.

No âmbito de uma ação de fiscalização, os militares verificaram que um homem se encontrava a exercer funções de segurança privada, sem que para tal tivesse a licença necessária, o que resultou na sua detenção. Na sequência da ação, o proprietário do estabelecimento foi detido por ter na sua posse uma pistola de calibre.32,  e pela contratação de serviços ilegais de segurança privada, como contou o capitão Cláudio Saraiva, relações públicas do Comando Territorial da GNR da Guarda.

Os detidos foram presentes ao Tribunal Judicial da Guarda, tendo sido aplicada, a ambos, a medida de coação de termo de identidade e residência.