A GNR da Guarda procedeu à entrega de 600 peças de vestuário e calçado aprendido a cinco instituições do distrito

O ato de entrega decorreu no comando da GNR da Guarda e foram convidadas cinco instituições para receber este material contrafeito e apreendido em ações de fiscalização feitas pelos militares da Guarda Nacional Republicana, como referiu o Major Cláudio Saraiva da GNR da Guarda. O oficial da GNR explica que o material apreendido só pode ser entregue a instituições de solidariedade social, após decisão judicial e com o consentimento das marcas que foram alvo de falsificação. O Major Cláudio Saraiva, da GNR da Guarda, explicou ainda que este material foi apreendido em várias ações levadas a cabo pelos militares no distrito da Guarda e em concelhos limítrofes pertencentes ao distrito de Castelo Branco.

Foram cinco as instituições do Distrito da Guarda que contempladas com este material apreendido, nomeadamente, as Misericórdias de Pinhel, Almeida, Figueira de Castelo Rodrigo, Sabugal e Vila Nova de Foz Coa. (ouvir aqui)