A Freguesia da Guarda quer uma “Guarda sem Desperdício”

A freguesia da Guarda começou a executar esta semana um projeto inovador que tem como objetivo combater o desperdício alimentar e também na área da compostagem a partir de restos das áreas verdes. O projeto denomina-se “Guarda Sem Desperdício”, e foi aprovado pelo ministério do Ambiente, num investimento que ronda os 30 mil euros cofinanciados pelo fundo ambiental como deu conta à Rádio F, João Prata o presidente da Justa de Freguesia da Guarda.

O projeto assenta em dois pilares. O primeiro no combate ao desperdício alimentar e o segundo prende-se com o aproveitamento dos verdes, como explicou João Prata.

O projeto “Guarda sem desperdício” é uma iniciativa que pretende sensibilizar a comunidade escolar e a população em geral, para o combate ao desperdício. Esta ação vai realizar-se até ao verão do próximo ano acrescentou o autarca da freguesia da Guarda.

A aprestação do projeto decorreu esta semana no auditório do Centro Social de São Miguel e contou com a presença do Chefe Carlos Henriques, que apadrinha esta iniciativa. João Prata explica que este chefe, já pratica a política do desperdício zero, no restaurante que gere na Finlândia.