Continua num impasse o futuro da Pousada da Juventude da Guarda

Ainda não há novidades em relação ao futuro da Pousada da Juventude da Guarda. Os técnicos da Câmara já fizeram uma avaliação dos custos de requalificação de todo o edifício, os valores rondam os 500 mil euros e o presidente da Câmara já reuniu com o Conselho de Administração da Movijovem, no sentido de se fazer uma nova avaliação. Álvaro Amaro diz que depois de uma nova avaliação vai refletir e decidir. O autarca acrescenta que quando houver uma nova avaliação vai tentar negociar com o Governo. Álvaro Amaro garante que se houvesse financiamento comunitário para requalificar o edifício, o problema já estava resolvido.

O assunto foi abordado na reunião do executivo desta semana. Os vereadores do PS querem saber mais pormenores sobre o assunto. Eduardo Brito diz que uma cidade de montanha tem de ter uma pousada da juventude. O socialista acrescenta que os vereadores do PS estão disponíveis para falarem com o Governo no sentido de desbloquearem o impasse.

Foto: Jornal Expresso