Concelhia do PS Guarda adia plenário de militantes para o dia 26 de janeiro

A concelhia do PS Guarda adiou o plenário de militantes que fora anunciado em dezembro, para o próximo sábado, justificando que no mesmo dia decorre em Castelo Branco, a convecção regional do centro do PS, com vista às europeias e conta com a presença de António Costa.

Alguma polémica tem sido gerada à cerca deste assunto, mas o líder dos socialistas na Guarda, recorda que a data do plenário havia sido anunciada no mês passado e à posteriori, foi divulgado este encontro de socialistas na cidade Albicastrense, com a presença do secretário-geral do PS. Agostinho Gonçalves diz que depois de conhecida a coincidência na data, a concelhia decidiu de imediato adiar o plenário para o próximo dia 26 de janeiro.

Agostinho Gonçalves esclarece que este é um plenário de militantes da concelhia da Guarda do PS e acrescenta que foi criado um regulamento para o seu funcionamento, com o objetivo de o tornar mais eficaz. O líder Socialista garante que nenhum militante ficará de fora deste plenário, desde que deseje participar. Durante o plenário estão previstas várias intervenções, Agostinho Gonçalves deixa uma garantia até aos mais críticos, todos poderão usar da palavra durante esta reunião magna de militantes socialistas. O líder lamenta o alvoroço que tem sido criado em torno deste plenário, Agostinho Gonçalves fala mesmo em “atuações na sobra” e de “jogos de bastidores”, o líder dos Socialistas diz que esta situação, só vem unir e fortificar ainda mais o PS da Guarda.  Alegados e-mails terão chegado à sede do PS em Lisboa a manifestar algum descontentamento da forma como vai ser conduzido este plenário, Agostinho Gonçalves diz que apenas existiu um e manifestava a preocupação da data deste, coincidir com o encontro que vai decorrer em Castelo Branco.

Agostinho Gonçalves lamenta que estas alegadas criticas, não sejam levadas a sede própria, o líder diz que estes preferem «navegar no anonimato». Por fim, Agostinho Gonçalves diz que está disponível para esclarecer qualquer militante do PS da Guarda sobre este plenário, das mais variadas formas de comunicação. (ouvir aqui)