Autarcas de Fornos de Algodres e do Sabugal, consideram inexequível a legislação que obriga os Municípios a substituírem-se aos privados, na limpeza em redor de aglomerados populacionais para conter incêndios

A polémica legislação que obriga os municípios a substituírem-se aos privados na limpeza de faixas de contenção em redor de aglomerados populacionais, foi abordado na Rádio F, pelos autarcas de Fornos de Algodres e Sabugal. Nesta altura decorrem ações de sensibilização para os privados, mas se a limpeza não for feita até 15 de março, as autarquias, segundo a legislação aprovada, devem substituir a estes nesta operação.

O autarca de fornos de Algodres, Manuel Fonseca rejeita categoricamente esta responsabilidade. O autarca do Sabugal, António Robalo vê esta legislação mais no âmbito de uma pedagogia por parte do Governo. Os dois presidentes de câmara entendem que esta medida aprovada, não é exequível.