Álvaro Amaro troca a presidência da Câmara da Guarda por um lugar de deputado no Parlamento Europeu

Álvaro Amaro vai mesmo deixar a Guarda rumo ao Parlamento Europeu. Há muito que o autarca que venceu as eleições em 2013 e 2017, destronando um governo do PS de quase 40 anos de poder autárquico no concelho, vinha deixando no ar a possibilidade de não terminar este segundo mandato.

Agora está confirmado, Amaro surge em 5º lugar na lista do PSD liderada por Paulo Rangel, num lugar elegível para as eleições que se realizam em Maio.  Com a saída de Álvaro Amaro, o Vice-presidente, Carlos Chaves Monteiro vai assumir a presidência e Cecília Amaro, que era adjunta do presidente e que estava na lista do PSD para as autárquicas em sexto lugar, vai agora fazer parte do executivo, como vereadora. As próximas horas e dias serão certamente de acerca deste assunto.